Lideranças indígenas estão em Brasília para denunciarem desmatamento no Xingu

15/03/2017

Aproximadamente 20 caciques e lideranças do Xingu estão em Brasília até o próximo sábado para participarem de uma série de reuniões com o objetivo de denunciarem o crescimento do desmatamento no Xingu, a contaminação das águas dos rios por atividades mineradoras na região, os efeitos que suas terras estão sofrendo com as mudanças climáticas e o descontentamento dos povos indígenas com a possível aprovação da PEC 215, que transfere do governo federal para o Congresso a última palavra sobre a oficialização das Terras Indígenas.

Sob a articulação do cacique Kanato Yawalapiti, foram marcados encontros com o ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, da Cultura, Roberto Freire, e da Saúde, Ricardo Barros. Constam ainda na agenda encontro com os embaixadores da Noruega, França, Canadá. Alemanha e Holanda. 

Os caciques representam os povos Aritana Yawalapiti, Afukaka Cuicuro, Kotoque Camayora, Kuiuci Kisede, Tunuli Yawalapiti, Melobo Yipengue, Mayua Ipengue, Kuiussi Kissede, Wandytubati Kisede, Wandytubati Kisede, Poiko Kisede, Awa Kaiabi, Poiko Kisede, Awa Kaiabi, Yakari Kukuro, Janahi Waora, Kumare Ypengue, Yefuca Kayabi, Kumare Ypengue, Yefuca Kayabi.

Contatos para a imprensa:
Marina Zimmermann - (85) 98181-2695
Yakari - (66) 99048053